Conselho Pastoral

O CPP é o órgão principal de aconselhamento pastoral do Pároco e é lugar de partilha e de comunhão na responsabilidade pastoral. O CPP colabora na condução da comunidade. Reflecte sobre os problemas relativos à evangelização e busca soluções no sentido profundo de co-responsabilidade, para que a Paróquia alcance os seus objectivos.

O Pároco é o presidente do CPP. Há um Moderador e um Secretário para redigir as atas. O mandato dos membros é de 3 anos.

O actual CPP entrou em função em 01/01/2014. O CPP reúne cada dois meses, com calendário marcado no começo do ano pastoral. O CPP é composto de 25 membros no máximo. Tem os seus próprios estatutos.

Para a escolha dos membros, o critério principal é o da representatividade dos principais agrupamentos pastorais. Os critérios de representatividade são: Conselho Económico, CAPA, Conferências de S. Vicente de Paulo, Escuteiros, Pastoral da Liturgia (Grupos litúrgicos), Pastoral da Família/CPM/CP B, Pastoral dos Doentes, Catequese das Crianças e Adolescentes, Catequese de Adultos, Grupos dos Jovens/EPPJ, Apostolado daOração, Cursilhos, Renovamento Carismático, Pastoral das Vocações e Missão, Professores de Religião e Moral, Comunidades Migrantes, Representante da Matriz, Representante dos Foros, Representante da Quinta da Princesa. Mais 5 membros poderão ser convidados e escolhidos pelo Pároco.

O Conselho Pastoral compõe-se actualmente dos seguintes membros: (2014-2015-2016)

  • Ana Duro
  • Agnelo Fernandes
  • António Joaquim
  • António Martins
  • António Rodrigues
  • Carlos Sousa
  • Domingos Engenheiro
  • Duarte Peres
  • Fátima Sousa
  • Fernando Rocha
  • Humberto Ramos
  • Inês Simões
  • Ir. Maria Otília Morgado
  • João Castanho
  • Joaquim Tavares
  • José Fernandes
  • José Saruga
  • Luís Araújo
  • Maria José Calqueiro
  • Nádia Ximenes
  • Otília de Jesus Mota
  • Ricardo Carvalho
  • Renata Braga
  • Rosa Charneca
  • Padres: Pedro, Leo, Pio